Consumo regular de álcool pode reduzir o risco de diabetes

Pesquisas obtidas por especialistas da Dinamarca dizem que as pessoas que bebem casualmente são menos propensos a desenvolver diabetes do tipo 2, comparando com aqueles que nunca bebem.

Os números foram reunidos através de um estudo, publicado na Diabetologia , que sugeriu que as pessoas que bebem três a quatro vezes por semana têm um risco reduzido de desenvolver a doença.

No entanto, os especialistas reiteraram que esta informação não é uma “luz verde” para beber excessivamente.

Para coletar dados, a Diabetologia entrevistou mais de 70 mil pessoas que ingeriam álcool regularmente incluindo quanto e com qual freqüência consumiram álcool.

O consumo moderado (de três a quatro dias por semana) foi associado a um risco reduzido de diabetes de 20 por cento nos homens e 32 por cento nas mulheres, em comparação com ficar longe do álcool.

A professora Janne Tolstrup, do Instituto Nacional de Saúde Pública da Universidade do Sul da Dinamarca, que liderou a pesquisa, disse: “Descobrimos que a freqüência de beber tem um efeito independente da quantidade de álcool consumida.

“Podemos ver que é um efeito melhor beber o álcool em quatro porções ao invés de tudo de uma vez”.

Além disso, os resultados também sugeriram que nem todos os tipos de álcool tinham o mesmo efeito.

De acordo com os dados obtidos pelo estudo, beber cerveja parecia afetar homens e mulheres de diferentes maneiras.

Os homens que beberam entre um e seis copos de cerveja por semana viram suas chances de baixar o diabetes em 21%, em comparação com os homens que bebiam menos de uma por semana. Não houve impacto no risco das mulheres.

Para homens e mulheres, sete copos de vinho por semana reduziram o risco de diabetes em 25% a 30% quando comparado com menos de um copo.

 

GOSTOU? COMPARTILHE!

Fonte: LadBible

Comentários

Neymar se estranha com recém contratado do Barça e troca socos em treino; Veja

Eu estava lá, foi lindo! Eu era o sanduíche